João Diego vence e faz novamente a luta da noite no Extreme Fight Muaythai

21/05/2019 0 Por Leo Monteiro
João Diego vence e faz novamente a luta da noite no Extreme Fight Muaythai
Compartilhe o link dessa notícia: https://yoksutai.com/1Eaeu

Em card recheado de bons lutadores, o Extreme Fight Muaythai correspondeu às expectativas e proporcionou bons confrontos no último sábado (18) em Campinas.

Mesmo com as baixas de última hora que derrubaram 3 dos combates mais importantes do card, ainda assim Fabiana Belai conseguiu reorganizar e achar substitutos em cima da hora.

Jorge Batman abriu o card principal vencendo Michael de Oliveira visto que Leandro Duarte não pode competir alegando problemas pessoais.

 

Dentre os destaques, a vitória de Cadu Portela usando toda sua experiência para vencer o talentoso e agressivo Jean Felipe.

Em luta que vinha parelha com Jean atacando e respondendo com duros golpes na cintura, Cadu procurava manter a distância e ficar de costas para as cordas. No quinto round Cadu se encontrou, consegui travar e anular o lutador revelação 2016 para sair com a vitória.

Após desafiar Mangaba, Cadu foi prontamente respondido:

Troféu luta do ano em 2016 e 2018, Bruno Pudim fez um começo agressivo contra Renan Hulkinho. Porém, durante o intervalo para o quarto round, Hulkinho desistiu do combate e não quis voltar. Após a vitória, Pudim aproveitou e desafiou Cadu Portela para a próxima edição.

Amigos fora do ringue, João Diego e Saulo Almeida fizeram uma luta agressiva, por sinal a melhor da noite segundo a promotora Fabiana Belai, mas ainda longe de todo o potencial. Após ambos testarem o poder de nocaute no primeiro round, a luta seguiu com menos socos e muitos chutes médios.

João Diego procurou pontuar e fazer uma luta de 5 rounds ao invés de buscar o nocaute, controlou o ritmo e venceu na decisão unânime dos juízes.

“Precisávamos fazer uma luta longa, lutar todos o rounds, jogar usando a cabeça. Essa luta fez o João crescer muito como lutador, controlar o instinto e pontuar para ganhar” pondera o treinador Yugo Brasil.

Emerson Apache se consolida como o lutador a ser batido até 63,5kg, porém, a falta de adversários dispostos a enfrentá-lo o colocou na categoria de cima onde enfrentou Leonardo Dalia.

Apesar do coração, Leonardo não foi páreo para o aluno de Fabiana Belai que lutava em casa e com apoio da torcida. Apache foi chutando as pernas e conseguiu um knockdown ainda no primeiro round. Apesar de machucado, Leo conseguiu uma boa sequência de socos que balançaram Apache no início do R2, mas que voltou a chutar as pernas forçando o árbitro interromper a peleja no segundo round.

Emerson Bolota foi derrotado por Mario Nikito | foto: @gabifotorp

Marcella Monachi venceu Jenny Gotti | foto: @gabifotorp

Na luta principal, Thiago conseguiu uma projeção contra o experiente Claudiere Freitas no quarto round, e durante a queda caiu por cima do carioca.

Por ter caído com todo o peso de ambos lutadores na costela, Claudiere não conseguiu se levantar e o árbitro iniciou a contagem protetora, sendo decretado nocaute técnico no R4.

Erasmo Gibi venceu Kevem Felipe, leia aqui.

https://www.instagram.com/p/BxtLb2GB597/?igshid=o3186ggdij5b

No card preliminar a melhor luta foi entre Gerson Barba que acabou derrotado por Rafael Nunes.

Fotos via @gabifotorp
Acompanhem o @yoksutai

RESULTADOS OFICIAIS:

Extreme Muaythai Fight
Campinas, 18 de maio de 2019

Thiago Teixeira venceu Claudiere Freitas por TKO no R4
Emerson Apache venceu Leo Dalia por TKO no R2
Cadu Portela venceu Jean Felipe por pontos
Erasmo Gibi Margutti venceu Kevem Felipe por TKO no R2
Mario Nikito venceu Emerson Bolota por pontos
Marcella Monachi venceu Jenny Gotti por pontos
João Diego venceu Saulo Almeida por pontos
Bruno Pudim venceu Renan Hulkinho por TKO no R3
Jorge Batman venceu Michael de Oliveira por pontos

Segue lá

Leo Monteiro

Escrevendo, fotografando, filmando, editando, promovendo e fazendo esse tal de muaythai chegar ao próximo nível.
Leo Monteiro
Segue lá
Vire Caveira

Comments

comments